quarta-feira, 1 de agosto de 2012

O Príncipe e sua Majestade

O sonho de menina sempre tem um vestido de noiva de princesa e um príncipe, muito bem trajado e lindo. Meu mundo cor de rosa do casamento já tem o vestido de noiva e o príncipe. Mas, confesso, que deixar o príncipe muito bem trajado foi tarefa difícil!

A história começa lá nos primórdios, quando o príncipe pouco se interessava por pensar em seu traje. “Para que? Está tão longe. Meses antes eu vou atrás disso!”, dizia o, quase, Sherek. A evolução chegou e então ele resolveu que casaria de tênis e depois a desprezada da vez foi a gravata. Sim, o meu príncipe queria tênis, sem gravata. Tudo bem loooonge do cavalo branco!

A única tentativa de tentar ajudá-lo a mudar de opinião era buscar informações que o animassem a mudar de ideia ou então chorar um monte. Ok, confesso, quase apelei para a segunda opção, mas não foi preciso!

De maneira geral as páginas da internet têm informações muito próximas e ás vezes até iguais sobre trajes de noivos.  Ver vestido de noiva era bem mais interessante e com muitas opções, mas enfim, de dicas que cabem para qualquer casamento e horário estão as relativas a cor de meia, cinto, entre outras.
 
- Cor da meia deve combinar com a cor do sapato.
- Cinto combinada, também com a cor do sapato.
- Meia deve cobrir toda a perna, que não pode aparecer quando o noivo sentar.
- Sapatos e cintos pretos combinam com roupas azul-marinho e cinza.
- Sapatos e cintos marrons combinam com roupas bege e areia.
- Casamento diurno o noivo pode usar roupas com cores mais claras, como bege e cinza.
- Casamento vespertino a cor pode ser azul marinho ou cinza escuro.
- Casamento noturno grafite ou preto.
- Trajes escuros são bem vindos a qualquer hora, pois são clássicos.

Também encontrei um artigo muito interessante da Glória Kalil que traz pontuações importantes ao falar do que, de fato, NÃO se pode.  Selecionei os mais importantes, mas, vamos combinar, que bom senso deve reger qualquer escolha. Não é mesmo?

“ [...]Outra sugestão é não combinar os padrões do lenço de lapela com a gravata. "É justamente na escolha de detalhes como esses que se pode colocar um pouco de personalidade na roupa”, diz Gloria. Além disso, não compre lenços nem gravatas com nós e dobraduras prontas.[...]”

“[...]Nos pés, use sapatos sociais pretos. Esqueça os marrons, tênis, modelos esportivos e botas. Também deixe de lado os fraques e os smokings (usados pelos americanos e recomendados apenas em festas black-tie). Os ternos em tons pastel, como o usado pelo músico Jamie Hince no casamento com a modelo Kate Moss, também não são recomendados. E nada de usar branco, pensando em combinar a roupa com o vestido da noiva. Lembre dos comentários sobre a escolha do jogador de futebol Alexandre Pato, quando se casou com a atriz Stephany Brito!”

Assim como os vestidos de noiva muitos dizem que a premissa básica é o conforto e adequação do traje ao perfil do noivo. Claro, que, considerando o estilo do casamento, mas de certa forma o geral é isso!

Com relação aos trajes, que são em poucos tipos, e não achei nada diferentes desses 05 tipos abaixo:


Um smoking para deixá-lo elegantíssimo
  
Smoking: Para um casamento mais tradicional e realizado durante a noite. As lapelas podem ter detalhes em cetim, camisa especial branca com nervuras no peito, cinta de cetim na cintura e gravata borboleta dando um fino toque.

 


Victorio & Lucchino

 Fraque: Característico pelo paletó, que abotoa na cintura e tem a parte de trás mais comprida, lembrando uma cauda, que vai até quase os joelhos. Acompanha camisa branca com colarinho curto, colete e gravata amarrada em forma de lenço. Um traje formal ótimo para casamentos noturnos.





Detalhes na lapela em cetim
Casaca: Este é um dos trajes mais chiques que o noivo pode usar. O paletó tem lapelas menores que as de um terno, com detalhes em cetim ou seda. Acompanha camisa branca com colarinho curto e gravata em forma de lenço. O uso do colete é opcional. Por sua formalidade, deve ser utilizado em cores escuras apenas em casamentos realizados durante à noite.




As tunicas são mais compridas em cores claras e escuras
Túnica: É um paletó ligeiramente acinturado, um pouco maior que um terno e com um corte da base reto. As lapelas podem ter detalhes em cetim ou em seda. O noivo pode usar um colete da mesma cor da túnica. Pode ser usado com qualquer tipo de gravata.






Ternos Victorio & Lucchino com a gravata fina

Terno: Conjunto de paletó e calça social tradicionais. Podem ser usados em cerimônias menos formais. Se quiser dar um ar mais despojado, dispense a gravata. Prefira cores claras para os casamentos durante o dia e escuras para as cerimônias noturnas.








Ainda há muito debate sobre o uso de Meio Fraque por noivos.  Muitos especialistas dizem que fica elegante para o noivo e muitos dizem que para os padrinhos é melhor. Eu, particularmente, gosto do traje e acho uma opção bacana para o noivo se diferenciar dos padrinhos!



  
Assim sendo é possível perceber que a escolha está intimamente ligada ao estilo do noivo e observando as formalidades do casamento. Também é importante pensar no conforto e bem-estar do príncipe. Porque vamos combinar, príncipe desconfortável perde a majestade!
 
E foi assim que o noivo escolheu o traje dele e foi assim que eu não estou muito certa de ideia, pois o príncipe não me pareceu muito a vontade com a roupa escolhida e como eu disse: PRINCIPE DESCONFORTÁVEL PERDE A MAJESTADE! E nesse dia majestoso deve estar ele, claro que sem usar tênis e com uma bela gravata!



Texto tirado das fontes:

 Artigo da Glória Kalil

 Texto e imagens dos trajes

 Imagem do meio fraque

 Site interessante para ficar horas e horas pensando nos trajes do noivo


Nenhum comentário: