sexta-feira, 1 de julho de 2011

Decisão do dia!

Tem uma comunidade no Orkut (salve, salve, Orkut abandonado!) para as pessoas que trabalham muito. Adoro essa comunidade, embora eu nunca tenha entrado na dita cuja. Enfim...  trabalho muito, trabalho nos finais de semana, feriados, e ás vezes mais de 12 horas diárias. Não, isso não é uma reclamação, é apenas uma constatação!

A questão é que como profissional da saúde, um emprego não se basta. É necessário complementar, a renda e os conhecimentos e partir para mais de um. Não precisa ser também váaaarios de um absurdo, mas 02 ou 03 é super normal na área. Eu, até então, tinha 03 mais minha empresa, que me vale como uns 02. hahaha. Pois bem, faço porque gosto, faço porque aprendo. E, principalmente, faço porque quero!

Pois bem, desde abril vinha atendendo em uma clínica de idosos (adoro idosos!  e adoro o trabalho com eles!). Atendi, primeiramente 05. A clínica não me pagou o combinado e ainda pediu que eu entrasse em contato com a família para a família pagar. Entrei em contato e me sobrou apenas 01 idoso para atender.  A clínica me pagaria um x e a família mais um x. Nada de suuuper renda, mas uma valor justo pela tabela da profissão.

Atendi maio inteiro. Atendi junho inteiro e hoje é mesmo que dia? Ah, 01 de JULHO e recebi MAIO apenas hoje. Inacreditável. Até então eu estava indo, até que hoje parei e fiquei pensando: estou indo porque gosto, porque a idosa precisa, porque quero. É perto de casa, não gasto muito, é apenas 01 hora. Mas, entrar nessa bola de neve de receber atendimento após 02 meses não estava nos meus planos. Não acho justo com o profissional essa situação de não receber. Se não tem condições, nem sei se é esse o caso, avisa, mas ficar “deixando para lá”, é algo completamente desagradável. É o mesmo que não valorizar o trabalho realizado, pois atendo 01 hora, entretanto tenho um trabalho extra fora de lá ao pensar em atividades, objetivos e planos de tratamento.

Pensei, pensei. Cheguei na porta da clínica ainda em dúvida. Entrei! E quando vi que o valor que tinha lá era o de Maio, AINDA. Me estressei. Avisei a enfermeira chefe que não iria mais, que entraria em contato com a dona da clinica e não iria.

Por favor! São 02 meses e vou receber agora? Não é justo, não é legal. Sou profissional, faço um trabalho de qualidade e quero reconhecimento por isso.

A decisão ainda não desceu redondo. Ainda to um pouco triste, mas foi o limite. Foi o basta. Agora só me resta saber quando vou receber o valor referente a Junho. Será que em Agosto?

3 comentários:

Flávia disse...

Fica difícil assim....por maior boa vontade que vc tenha, chega o fim do mês e precisamos pagar as dívidas!
Não sei como funciona na área que você trabalha mas as pessoas deveriam ter mais respeito pelo seu trabalho.

Tenho post novo lá no meu blog!

Bjs

Musa disse...

Tadinha! É muito difícil gostar do que faz, fazer bem e não ser reconhecida. Espero que você consiga receber o valor que é justo e, a partir de agora, na data certa.

Beijos e boa pra frente, não desanima.

Camila disse...

É meninas, pior que agora falta receber ainda o mês de junho todinho. Ai céus!